quinta-feira, 26 de junho de 2008

MAR CÁSPIO


(A linha vermelha não nos diz respeito!!)
O mar Cáspio tem algumas coisas interessantes a serem urubuservadas. Depois da descoberta de uma gigantesca bacia de hidrocarbonetos (e parece que a Petrobrás já esta lá), todos os países que o margeiam passaram a brigar juridicamente pela exploração futura de tal recurso energético. Irã, Rússia, Cazaquistão, Turcomenistão e Azerbaijão pelejam pela terceira região em reserva de petróleo do planeta (só perde para a península arábica e para a Sibéria).

Mas, apesar do petróleo, a região já tem outro ouro negro. As ovas do Esturjão, vulgo caviar. A exploração das ovas do dito cujo fez e faz com que o mesmo estivesse sumindo do mapa e por isso a ONU proibiu a exportação desse tipo de caviar que é “o legitimo”, segundo quem entende do assunto. Além do seqüestro dos futuros esturjõeszinhos, o motivo também está relacionado ao fato de grande parte do esgoto Russo usar o rio Volga para se livrar de seus restos. Diretamente no casa dos esturjões.... VidaLoka!!

Por isso, o que já era caro vai ficar mais caro ainda! Como eu não gosto, vou poder dormir tranqüilo. E você que gosta, pode ir até Nova Iorque e comer essa pizza de lagosta com caviar do mar Cáspio, por 1000 dólares.

2 comentários:

Lucas disse...

Eu não sei se eu gostaria, mas não poderia comer pq tenho alergia a lagosta..
Não lembro quem falou que na rússia só quem comia caviar dourado era o czar e sua família, e parece que esse dourado era o maaais raro.. enfim, não é de hj que o caviar é valorizado e não deixará de ser nem tão cedo...

CaPiTãO disse...

hum...
eu não troco um belo prato de buchada de bode por um "pote" de caviar por dinheiro nenhum no mundo;

aff...
negocim ruim da porra esse tal de caviar...

(ou vai ver sou eu q tenho gosto de pobre);

bom ou ruim... eu prefiro minha buchada de bode.

xD