quinta-feira, 4 de setembro de 2008

SEXTA 28

Ouvindo alguns clássicos do The Clash, relembrei do SKA inglês e como processos migratórios podem criar veios culturais muito fortes! Entre vários exemplos, essa sexta é dedicada à relação Inglaterra – Jamaica.

Calma, a imagm está correta, mas talvez a idéia que se tem da cultura Skinhead por aqui seja muito pequena! Não tenho nada a ver com ela, e sem mais delongas, só para deixar claro, existem skins de direita fascista, de esquerda revolucionária, de anarcopunks.... Mas a história é longa e me fatam partes,de qualquer maneira, é uma das provas da misturas entre locais e migrantes, pelo menos essa era a parte boa!

Essa coletânea do Clash (aqui para parte 1 e aqui para parte 2), deixa claro o convívio de bandas punks sabedoras de mais que um punhado de notas e imigrantes jamaicanos. Da ilha caribenha, trouxeram na mala, nas cabeças e nos ouvidos toda a forte tradição do ska e do reggae, que quando deparada nos guetos londrinos com o crescimento do punk, se misturaram.
Uma banda de reggae inglesa, que começou muito bem e depois desandou, o Stell Pulse era formada inteira por descendentes de jamaicanos (aqui para baixara o pesado handsworth revolution).
Outro cara que merece ser comentado e postado, é o Mad Professor, multi instrumentista,nascido na Inglaterra, programador e editor de Dubs sônicos! Descendentes de jamaicanos, continua tocando a aprendendo com o mestre Lee Perry. clique aqui para baixar o contido no new decade of Dub. Tentei achar um disco que ele tocou junto com o britânico Massive Attack, mas não encontrei o dito cujo!

3 comentários:

capitão disse...

boas músicas...

ei thiago, tu até q podia fazer um post só sobre a cultura skin né??
pra tirar todo esse mal entendido q rola em torno dos skinheads;;;

flw...

thiagokoutzii@hotmail.com disse...

pode ser, mas não sei, não domino o assunto o suficiente pra me sentir a vontade de falar....
mas da para explorara bastante as influencias migratórias!
abç

capitão disse...

humhum...
tow ligado...
sei lá... quando tu tiver sem nada oque fazer, pega aquele livro e posta um resumo dele, ou coisa do tipo... axo q já é de grande valia...

flw...