segunda-feira, 29 de setembro de 2008

TERREMOTO EM MINAS UAI!

"Os grandes terremotos que acontecem no mundo são nos encontros de duas ou mais placas tectônicas, o que não é o caso do Brasil, que está no interior de uma placa", diz Chimpliganond.

"Mas essa placa não é toda uniforme. Ela pode ter algumas rachaduras, falhas antigas, e vários tipos de rocha e estão sobre algumas tensões. Essas tensões migram da borda para o interior das placas, e às vezes elas são fortes o suficiente para movimentar fraturas que já existem."Esse tipo de fenômeno é difícil de prever com antecedência, diz Champliganond. "[Essas falhas] ficam em profundidade e não dá para ver", afirma.

O abalo de ontem derrubou seis casas no vilarejo de Caraíbas. Segundo o geólogo da UnB, porém, o grau de dano causado pelo terremoto depende de outros fatores, como o tipo de solo em que as casas estavam construídas e a profundidade do epicentro do abalo, que deve ter sido baixa."Estimamos que foi por volta de cinco quilômetros abaixo da superfície", diz Chimpliganond. De acordo com o geólogo, porém, o número ainda tem margem de erro alta.

Nenhum comentário: