terça-feira, 8 de julho de 2008

PASSAGEM E MEMÓRIA DE RECIFE!

Amigos, duas músicas da Nação Zumbi, do último disco FOME DE TUDO (lançado enquanto ainda estava em recife) foram e são idéias que a memória nao deixa escapar.

Lembranças do que fui fazer, o que fiz e a fome que tudo isso causou.... FOME DE TUDO!


MEDO DE NADA!


PARA ONDE TENHO QUE IR


Deixou cair em tentação

Não lhe custava o sacrifício

Aprendendo com os erros

E às vezes acertando em cheio

Por uma vida menos ordinária pintamos o chão

Por isso você é o lugar pronde sempre vou e fico

Mesmo ligando a esperança de ver

O meu mundo fazendo sentido de vez, de vez

Incompletos desejos

Aos pedaços lhe faço existir

Um dia aqui e outro ali

E com fome de tudo

Esperando a hora que diz onde tenho q ir

Deixou cair em tentação

Não lhe custava o sacrifício

Planejava fazer o batente o dia inteiro

Pra lembrar que estica o caminho

Quem manda no chão

Não atrasava mais nada além do que o tempo lhe deu

Sempre ligando a esperança de ver


O seu mundo fazendo sentido de vez, de vez.



INFESTE


Eu venho de todas as partes

Por todas as vias

Trazendo as vontades de todas as crias

Eu sou

Uma couraça pros dias de fúria

Nervos de aço pra cada aventura

Corpo fechado até sua altura

Estou

Costas quentes

Dentes acesos

Olhos de espelho

Cabeça de leão

Lançando o perigo na ponta do enfeite

Estica o caminho quem manda no chão

Costas quentes

Dentes acesos

Olhos de espelho

Cabeça de leão

Livrando o perigo na ponta do enfeite

Estica o caminho quem manda no chão

Já que fui ontem

Estarei no amanhã

Brincando de outra pessoa

Invadindo outro mundo

Eu vou

Eu vou

Nenhum comentário: